Píer Flutuante: o que é e quais os tipos

Compartilhe:

Quem já navegou por aí, certamente já viu um píer flutuante e como ele facilita o embarque e desembarque das pessoas, seja em suas lanchas ou outros itens aquáticos.

Essa estrutura é versátil e pode ser construída nas regiões que possuem águas calmas, rios e lagos, por exemplo.

Para as pessoas e famílias que residem próximas ao litoral ou que possuem uma casa para passar as férias, o píer flutuante é uma ótima pedida. Principalmente se você já possui a sua lancha FS ou pensa em adquirir a sua. 

Para entender detalhadamente como ele funciona, siga a leitura conosco e descubra tudo o que você precisa saber sobre essa estrutura.

O que é um píer flutuante?

Essa é uma estrutura que tem como principal objetivo facilitar a entrada e saída das pessoas de suas embarcações. Além disso, o píer flutuante também é conhecido como ancoradouro e atracadouro, e é utilizado para atracagem de barcos tanto no mar como em rios e lagos. 

Ele pode ser construído nos seguintes materiais:

  • madeira
  • aço carbono
  • PRFV (plástico reforçado de fibra de vidro ou plástico com reforço de fibra de vidro)

A depender do material utilizado, o píer flutuante tem uma durabilidade diferente, por isso, na hora de escolher o seu, esse é um ponto a ser avaliado.

Veja + Qual a melhor marca de lancha?

Custo de um píer flutuante

O custo do píer vai variar de acordo com o material utilizado, por isso, se pretende construir um, lembre-se que também vai depender do tamanho e do formato. Atualmente, existem muitos que, inclusive, tem uma instalação mais fácil, o que gera menos custo. 

Pesquise sobre os valores e tenha em mente o que é importante para você para que tenha clareza na hora de adquirir o seu. 

Confira os principais tipos de píer flutuante 

Píer flutuante de madeira: esse é o modelo que mais costumamos ver por aí facilitando a atracagem das embarcações. Chama a atenção devido a sua bela estética.

Píer flutuante de PVC: dentre as vantagens do píer de pvc estão a durabilidade e fácil instalação, e por isso, vem sendo cada vez mais utilizado. Portanto se precisa de um material leve que seja instalado rapidamente, essa é uma boa pedida.

Píer flutuante de concreto: para esse tipo de instalação, é preciso uma equipe especializada no assunto e possui grande durabilidade e resistência.

Píer flutuante modular: essa estrutura pode ser feita em diferentes materiais, tais quais o pvc, polietileno, PRFV, entre outros. Boa alternativa para quem procura praticidade pois a sua instalação é rápida.

Além dos principais tipos, é importante salientar que o píer flutuante pode ter diferentes formatos e dimensões. Logo, na hora de instalar o seu, tudo vai depender da região. Em sua grande maioria, eles ficam em formato de passarela ou plataformas.

Fora ele, também é bastante utilizado os que fazem o desenho do U, do T e no formato quadrado.

Como você pôde notar, esse é mais um detalhe do universo náutico que pode fazer a diferença na sua embarcação e  nos passeios com a sua lancha fs, aproveitando com a família e os amigos. 


Se gostou deste conteúdo e quer ficar sempre por dentro das novidades da FS, acompanhe o nosso canal no Youtube. Lá, você encontra mais informações sobre as nossas lanchas e os seus detalhes.

4 dicas imperdíveis para conservar o barco

Compartilhe:

Quem sonha em ter uma lancha e torna esse objetivo em realidade sabe que a sensação de navegar é única. Poder aproveitar a paisagem e a natureza de um país tão vasto como o nosso é realmente um privilégio. Mas para aproveitar esse sonho, é preciso aprender a conservar o barco.

Afinal, assim como tudo que é bom na vida, também precisa do nosso cuidado para que se mantenha em bom estado.

E com a lancha não é diferente. É preciso ter uma série de precauções com o seu veículo náutico para que ele seja durável e você possa aproveitá-lo ao máximo com toda a segurança e conforto.

Então, nada mais justo do que explorarmos mais sobre esse tema, que é fundamental para o bom funcionamento da sua lancha. Algumas atitudes são simples e podem ser encaixadas na sua rotina tranquilamente, basta organização. 

Quer descobrir como conservar o barco? Então continue por aqui conosco e confira as melhores dicas para conservação da sua lancha, mantendo a vida útil da sua tão desejada embarcação.

4 dicas fundamentais para conservar o barco

1. Limpeza do casco

O casco precisa ser muito bem cuidado na embarcação, pois isso vai impedir que o seu equipamento envelheça mais rápido. Como todas as águas possuem seus próprios níveis de impurezas e sais, o ideal é que haja essa limpeza para que evite qualquer tipo de corrosão a longo prazo.

E para evitar que aconteça perda da vida útil ou corrosão, o ideal é lavá-lo após cada uso. Assim, você consegue conservar o barco e ainda mantém a beleza dele. 

Outra sugestão é lavar toda a estrutura da lancha com detergente suave biodegradável ou neutro, ao menos uma vez por mês. Ao fim, pode passar um bom produto de acabamento, como uma cera de boa qualidade e depois lustrar com uma flanela ou toalha macia seca.

2. Conservando o motor

Como você já deve imaginar, o motor é o coração do barco e também precisa de cuidados determinados. Como por exemplo lavar esse item com água doce sempre que retirar a lancha da água salgada.

E se por acaso passar um tempo sem usar a sua embarcação, não esqueça de ligar o motor a cada quinze dias. Além disso, é importante fazer a manutenção preventiva duas vezes por ano, a cada seis meses. Outro item que também precisa ser trocado regularmente é o anodo de sacrifício. 

Veja + Onde passear de lancha em São Paulo?

3. Atenção à limpeza das peças em inox para conservar o barco

Outra dica fundamental para conservar o barco tem a ver com as peças em inox, pois elas também precisam de cuidados particulares. 

Independentemente do material ser de alta qualidade ou não, a oxidação é um risco devido à exposição à maresia, logo, o ideal é a prevenção a partir da limpeza da peça. Para isso, utilize limpadores de metal específicos para manchas. As peças metálicas também podem ser protegidas com o uso de um óleo específico para isso.

4. Quais materiais nunca devem ser usados em um aço?

  • Palhas de aço
  • Esponjas rugosas
  • Produtos de limpeza à base de cloro
  • Produtos abrasivos

Então, agora que você já sabe como conservar o barco através dessas dicas, terá um veículo resistente por muito mais tempo, aumentando sua vida útil e navegando com muito mais segurança. 

Cuidando da sua lancha, essa experiência fica ainda mais especial, por muito mais tempo. Se gostou deste conteúdo e quer continuar por dentro das novidades da FS Yachts, siga-nos no Instagram e Youtube.

Qual a melhor marca de lancha?

Compartilhe:

Muitas pessoas se perguntam qual a melhor marca de lancha, o que um bom barco precisa ter e como escolher o seu.

Essas dúvidas são muito comuns quando estamos iniciando as nossas atividades com a navegação, e ficamos curiosos para ficar por dentro de tudo sobre o mundo náutico.

Para ajudar nesta jornada, a FS Yachts separou neste texto alguns pontos importantes, que você deve levar em consideração quando estiver em busca da melhor marca de lancha.

Pois para cumprir esse papel com maestria, são necessárias algumas qualidades que mostraremos abaixo.

Como identificar a melhor marca de lancha?

Separamos alguns itens que são fundamentais para a construção de uma boa marca. A escolha de qual a melhor marca de lancha será sua. Mas nós podemos te indicar o que é mais importante em uma.

Confiança

Em primeiro lugar, é fundamental que você busque uma marca referência no ramo, para evitar maiores problemas e dores de cabeça.

Isso porque, ao escolhermos uma empresa de confiança, significa que as nossas chances de que aquele produto seja de qualidade são mais altas.

E como bem sabemos, quando se trata da busca da melhor marca de lancha, é essencial garantir uma boa compra. Assim, você fica mais assegurado de que, independentemente da realidade que esteja por vir, haverá amparo para que tudo seja resolvido.

A transparência com os clientes é fundamental, e justifica, inclusive, o sucesso da FS Yachts. Pois quem se torna um membro FS, cria uma relação direta conosco, tornando o processo da aquisição uma ótima e segura experiência.

Além disso, o que não pode faltar na melhor marca de lancha é a segurança que ela oferece à embarcação e seus tripulantes.

Esse fator está  relacionado diretamente a confiança. Assim, você garante que o seu investimento valerá a pena a médio e longo prazo.

Para encontrar melhor marca de lancha, é preciso qualidade e design diferenciado

A qualidade construtiva e design também são dois pilares importantes quando pensamos na melhor marca de lancha. Afinal, a forma de produção, estrutura e materiais utilizados são itens que garantirão a durabilidade do seu barco e uma rápida aceitação para revenda e boa avaliação, ou seja, menor depreciação.

A FS Yachts é reconhecida por seu inconfundível design, que mescla o moderno e clássico tão perfeitamente, resultando em um layout atemporal, que nunca deixa de ser uma tendência entre os barcos.

Em termos de materiais construtivos, trabalhamos com material vigoroso, resina de alta qualidade, casco resistente e estável para navegação, com foco no acabamento de fibra e nas instalações e cabeamento da embarcação.

Os revestimentos, itens que compõem o design e acabamentos da lancha, também devem ser analisados de perto.

Conforto

Independentemente do tamanho da sua família e do barco que irá escolher, a marca deve se preocupar com o conforto de seus tripulantes.

Isso significa que o espaço deve ser otimizado da melhor forma possível para que todos consigam aproveitar bem o passeio. Além é claro, de pensar bem nos tecidos e revestimentos que assegurem esse bem-estar.

Solidez, variedade de modelos e experiência

Avaliar o processo construtivo, os equipamentos empregados, a solidez da empresa e a equipe de profissionais capacitados para o mercado náutico são pontos fundamentais.

Como citamos acima, seja qual for a sua opção de compra em relação ao tamanho, é importante que a história da companhia seja analisada. Assim como os anos de experiência, a quantidade de modelos produzidos e, especialmente, se o time tem a expertise para a construção de barcos em tamanhos variados.

Há mais de duas décadas no mercado, a FS Yachts entrega embarcações diferenciadas e que agradam devido a suas inovações e infindável busca pela mais alta satisfação de nossos clientes. 

Desenhadas por engenheiros e arquitetos navais renomados internacionalmente, criamos soluções inovadoras a partir de um design único.

Nosso estaleiro está sempre em busca de melhorias contínuas em nossos projetos e processos, e essa entrega resulta em 95% de satisfação entre nossos clientes.

Para conhecer mais sobre as nossas lanchas e as possibilidades que elas proporcionam, entre neste link e conheça detalhadamente os nossos modelos e suas vantagens. Caso surja alguma dúvida, não hesite em entrar em contato conosco.

Onde passear de lancha em São Paulo?

Compartilhe:

Além de ser uma das maiores metrópoles do mundo, ao passear de lancha em São Paulo, você também conta com lindas paisagens, rodeadas de natureza, com praias, rios e represas.

Seu litoral, de norte a sul, possui lugares incríveis para conhecer e aproveitar com toda a família. 

Por isso, se você mora em São Paulo ou está em busca de passeios de barco na região, a FS Yachts está aqui para te ajudar, trazendo os destinos mais procurados pelos amantes da vida náutica no estado. 

Nós, da FS Yachts, temos o nosso estaleiro em Santa Catarina e já trouxemos algumas dicas de passeios na região. Em São Paulo, temos grandes clientes e não poderíamos deixar de reverenciá-los e trazer algumas dicas das belezas que encontramos por lá, não é mesmo?

Alguns dos destinos que traremos aqui já são mais conhecidos, enquanto outros têm uma característica paradisíaca. Assim, conseguimos agradar a todos e mostrar como em um único estado, é possível desbravar o belo e se encantar com as paisagens.

Confira abaixo os lugares surpreendentes das regiões litorâneas para passear de lancha em São Paulo, e se surpreenda com as possibilidades.

Locais imperdíveis para passar de lancha em São Paulo

Ubatuba

Com lindas praias, Ubatuba é um dos destinos mais procurados, com paisagens de tirar o fôlego.  A região possui diversas ilhas e praias isoladas, e por isso, o seu acesso mais fácil é feito por lanchas ou barcos. 

Por lá, você encontra de tudo, desde praias mais isoladas as mais baladas ou até mesmo aquelas perfeitas para mergulho. Os principais passeios para as Ilhas de Ubatuba são para: Ilha Anchieta, Praia das Sete Fontes e Ilha das Couves.

Se você está em busca de um destino tranquilo e paradisíaco dentro de Ubatuba, a nossa indicação vai para a Ilha dos Couves. Ela fica localizada antes da fronteira com o Rio de Janeiro, e por isso, é uma das últimas ilhas de Ubatuba.

Você vai se deslumbrar com as águas altamente cristalinas, com coloração que oscila entre o azul e esverdeado.

Rifaina – Represa de Jaguara

Imagine um lugar perfeito para navegar e que ainda possa curtir a prática de esportes náuticos. A linda represa de água cristalina se chama Rifaina e surpreende por seu cenário singular. 

Tudo isso provoca um lindo desfile de pessoas e barcos nos fins de semana e feriados, transformando a cidade em uma paisagem utópica de lazer.

Ilha do Cardoso – Cananéia

A Ilha do Cardoso está inserida como parte do Parque Estadual da Ilha do Cardoso e possui acesso controlado, pois por lá não há acesso a rede de luz elétrica e também não entram carros. 

Por conta disso, aproveitar essa beleza em um passeio de barco com a sua FS faz todo o sentido. O local é completamente rústico e mantém como característica a fauna e flora exuberantes, imprimindo a natureza impecável da região.

A Ilha do Cardoso é declarada, inclusive, como Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco. 

Ilha de Alcatrazes e Ilha das Cabras  – São Sebastião

Sabe aquele cenário deslumbrante que só encontramos nos filmes? Assim é a Ilha de Alcatrazes em São Sebastião. 

Com uma área de conservação marinha de 70 mil hectares, a região parece mesmo um mundo perdido de tão belo. Hoje em dia está sob gestão do ICMBio e é agora Refúgio de Vida Silvestre.

Já a Ilha das Cabras, também localizada em São Sebastião, abriga o Santuário Ecológico Submarino.

Por lá é possível aproveitar as águas claras e observar a vida marinha com um snorkeling. Você vai ver as mais variadas espécies de peixes e outros habitantes marinhos, e por isso, torna-se mais um dos destinos imperdíveis para passear de lancha em São Paulo.

Araçatuba e Barra Bonita – Rio Tietê – São Paulo

Muitos que moram na capital paulista nem imaginam a beleza do Rio Tietê no interior. Barra Bonita fica aproximadamente 300 km da cidade grande e uma paisagem que deixa tudo mais especial. 

No caminho é possível contemplar garças, muito verde, 40 km de praias, e um rio bem diferente do que os paulistas estão acostumados a ver.

Já Araçatuba, segundo dados da Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental) do Estado de São Paulo, a água do Tietê que banha a região é a mais limpa de todo o rio. Ou seja, você pode aproveitar belas e límpidas águas por lá.

Laje de Santos – Santos

Está buscando local em São Paulo para fazer um programa especial de mergulho com a família e/ou amigos? Pois saiba que na Laje de Santos isso é possível. 

O Parque Estadual Marinho da Laje de Santos é um dos principais pontos de mergulho do Estado de São Paulo e as suas águas oferecem condições muito especiais em termos de visibilidade e profundidade. 

A biodiversidade do local também é de fazer brilhar os olhos e por isso, esse é mais um dos destinos do litoral de São Paulo que valem muito a pena a visita.

Agora que você está por dentro das mais belas vistas e sabe onde passear de lancha em São Paulo, não perca tempo e já programe o seu próximo passeio a bordo da sua FS.

Temos certeza que com a nossa embarcação, o seu passeio será ainda mais inesquecível.

Se você curtiu este texto e quer ficar por dentro de todas as novidades do mundo náutico, aproveite e nos acompanhe também nas redes sociais. Estamos sempre em busca de novos conteúdos para te trazer somente o melhor. 

Curta a nossa página no Facebook, acompanhe o nosso Instagram e veja os nossos vídeos no Youtube.

Confira as principais dicas para cozinhar a bordo de uma FS

Compartilhe:

Um dia lindo, a família toda reunida para um passeio de barco – o que não pode faltar para completar esse momento de lazer – é uma deliciosa refeição preparada a bordo, não é mesmo? Seja para um grupo de pessoas ou para quando se está sozinho, um marinheiro tem que estar preparado para cozinhar na embarcação. E pensando nisso, separamos algumas das principais dicas para cozinhar a bordo de uma FS.  

A importância de uma boa alimentação a bordo

Independente de ser uma viagem individual ou em grupo, a alimentação é um item de extrema importância na hora de planejar um passeio de barco. Afinal, você tem que estar preparado, já que geralmente suas únicas opções serão somente os alimentos que estiverem a bordo. 

Na lista de prioridades do que se deve levar em um passeio de lancha, com certeza a comida e a bebida estão no topo da lista. E não é à toa, já que os tripulantes precisam levar esse itens para consumo e também reserva – para casos de emergência. 

O que levar de comida em uma viagem de barco?

Antes de falarmos sobre cozinhar a bordo, é necessário listar algumas opções que devem estar na lista de compras para um passeio a bordo de uma lancha FS (seja ele curto ou longo, a lista pode variar). 

Existem determinados alimentos que são mais práticos para carregar, para armazenar e apresentam um tempo maior de validade. E exatamente eles são boas opções para se levar na embarcação: frutas, oleaginosas, queijos, pães, barras de cereais, torradas, bolachas, salgadinhos, comida enlatada e conservas. 

Essas dicas contam principalmente para os modelos de embarcações que não disponibilizam de cozinha e para aqueles pilotos que não são muito aptos a cozinhar a bordo. E para aqueles que têm uma cozinha à sua disposição e se arriscam a pilotar um fogão, vamos conferir algumas dicas a seguir!

Dicas para cozinhar a bordo de uma FS!

Planejamento

A primeira dica não poderia ser outra: planejamento é o segredo para não ser pego de surpresa no momento de cozinhar a bordo. É preciso se organizar antes de um passeio, é essencial ter uma base de quanto tempo você e seus tripulantes ficarão a bordo, quantas pessoas estarão presentes, quantas refeições em média precisam ser feitas e quais os ingredientes devem constar na lista de compras. 

Segurança redobrada 

Cozinhar é um ato que exige dedicação e cuidados, cuidados esses também com a segurança. E cozinhar a bordo requer uma atenção redobrada a proteção. Com o balanço das águas, a embarcação acaba ficando um pouco instável, por isso é indicado que você evite objetos de vidro e tenha um espaço reservado para armazenar facas e objetos cortantes. 

Adapte-se às suas ferramentas e seu espaço

Um dos desafios de quem precisa cozinhar a bordo, é ter que se adaptar ao ambiente reduzido e as ferramentas disponíveis para preparar uma refeição. Diferente da cozinha de casa, as cozinhas nas embarcações geralmente têm um espaço menor, logo o segredo para se dar bem no local é mantendo a organização e se adaptando às ferramentas disponíveis para cozinhar. 

Cozinhas nas embarcações FS!

As embarcações do estaleiro FS Yachts normalmente contam com espaço gourmet ou cozinha (ou os dois). O fato é que, de alguma forma, é possível preparar suas refeições com tranquilidade e praticidade. 

Um dos exemplos é a embarcação FS 360 Allure – que disponibiliza de uma cozinha equipada com torneira inox, bancada para preparar os alimentos, escorredor de louças, armários e gaveteiro. Além disso, ela ainda pode ser equipada com fogão por indução, microondas e geladeira.

Para conferir mais informações sobre o modelo de lancha FS 360 Allure, acesse o conteúdo exclusivo em nosso blog, que conta os detalhes da embarcação: clique aqui

Outro modelo do estaleiro FS que ganha o coração dos pilotos por disponibilizar um espaço adequado para cozinhar a bordo, é o modelo FS 290 Concept. A cozinha conta com armários, gaveteiro, pia com escorredor de louças, torneira de inox, lixeira de courvin e ainda possui espaço para microondas e geladeira. 

Com essas dicas de como cozinhar a bordo, você nunca vai ficar à deriva na gastronomia. Dicas assim são sempre bem vindas! Se você gostou deste conteúdo e gostaria de receber mais dicas sobre o mundo náutico, siga nossas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades sempre em primeira mão: Facebook e Instagram

Passeio noturno de barco: confira dicas para navegar com segurança

Compartilhe:

Para quem é apreciador do universo náutico, poder navegar nos nossos mares e rios é um momento de grande realização: seja somente para passear com a família e os amigos, ter alguns instantes de descanso ou até mesmo realizar a prática de esportes. Normalmente, a navegação é feita durante o dia, porém há quem prefira fazer um passeio noturno de barco também. E para explicar quais os cuidados necessários, nós preparamos esse conteúdo. Confira! 

 

Principais cuidados para o passeio noturno de barco

 

A navegação noturna é preferida por muitas pessoas, pois permite, principalmente no verão, em que as temperaturas são muito altas, não sofrer tanto com o calor. Além disso, não há o movimento constante de outras embarcações, o que é comum durante o dia. Mas, uma dúvida que sempre fica é: é seguro fazer um passeio noturno de barco? 

Pois bem, a resposta é: depende. Para navegar durante a noite é preciso muitos cuidados e precauções, afinal a luminosidade é mais baixa, o que dificulta a visualização de outras embarcações, por exemplo. No entanto, fazer um passeio noturno de barco tem seus benefícios, é uma experiência única e inspiradora. Que somente quem já fez, pode explicar. 

Está pensando em fazer um passeio noturno de barco? Veja abaixo as prudências necessárias para para uma navegação tranquila para você e demais tripulantes, seja antes de sair com a lancha ou depois da partida ao mar ou rio. 

 

Antes de partir para o passeio noturno de barco atenção para: 

 

1. Verifique a previsão do tempo

Essa é uma dica já recomendada para navegar durante o dia, e para o passeio noturno de barco ela continua sendo essencial. Antes de sair com a embarcação é fundamental saber qual a previsão do tempo, para que não haja imprevisto no meio do caminho com chuva forte ou tempestade. Afinal, o tempo pode virar de uma hora para outra e você deve estar preparado para isso. 

 

2. Faça um check-up das luzes da lancha 

Durante o passeio noturno de barco as luzes são fundamentais para poder dar visibilidade a quem está pilotando. Portanto, antes de sair com a embarcação certifique-se que todas as luzes estão em perfeito funcionamento. 

Caso alguma apresente falha e não acenda, faça a troca imediatamente antes de partir com a lancha. Segurança e proteção são palavras-chaves para um passeio tranquilo. É muito importante também ter uma boa lanterna de mão no barco.  

 

3. Analise suas condições 

Além da lancha em si, você precisa estar bem para sair com a embarcação. Isso vale tanto para passeios a noite como também de dia. Seu dia foi cansativo e você está exausto e com sono? Então, o mais indicado é adiar a navegação. Pois a noite as características do cansaço aparecem com mais frequência. 

 

4. Parta com o barco ainda com a luz do dia 

Outra dica é partir com a lancha ainda com a luz do dia. Isso permite que você esteja mais habituado com as condições do lugar onde está navegando, deixando o passeio mais seguro a noite. 

 

5. Faça uso da rota atualizada 

Cartas náuticas, roteiros, GPS, enfim, tenha todos eles atualizados. Com isso, você estará protegido caso haja algum imprevisto e possa recorrer a um porto ou marina mais próximos. 

 

Depois de partir para navegação noturna tenha atenção para: 

 

1. Velocidade reduzida 

Para garantir um passeio noturno de barco seguro, a velocidade da embarcação deve ser bem menor do que o indicado durante o dia. O ideal é que a velocidade seja reduzida em até 50%, pois durante a noite não há visibilidade tão clara. 

 

2. Atenção redobrada 

Mesmo para os mais experientes no universo náutico, a cautela deve estar sempre presente num passeio de lancha, em especial noturno. Navegue com atenção, autoconfiança em excesso pode ser prejudicial, nesse caso. 

 

3. Navegue fora da cabine 

A noite a temperatura costuma ser mais baixa, principalmente em alto mar e rios. Por isso é comum querer se abrigar na cabine durante o passeio noturno de barco. Porém, o recomendado é pilotar no cockpit. Fora da cabine a visibilidade é muito melhor e mais clara. 

Além disso, contar com outra pessoa ajudando a olhar ao redor é sempre bom, afinal você pode se deparar com algum objeto ou embarcação sem ou com pouca iluminação. 

 

4. Evite excesso de luz a bordo 

Não faça uso de muitas luzes a bordo da embarcação. Elas podem – ao invés de ajudar na visibilidade – prejudicar, criando reflexos e atrapalhando a pilotagem tranquila e segura. 

 

5. Perceba se não há espumas na água 

Espumas na água podem significar arrebentações ou pedras no caminho, que ao não serem percebidas, podem causar incidentes e também danos a lancha. 

 

Gostou das dicas? Agora que você já sabe os cuidados especiais para um passeio noturno de barco, que tal conhecer as lanchas FS Yachts? Entre no nosso site e confira os modelos.  

O que não pode faltar num passeio de lancha em Florianópolis?

Compartilhe:

A Ilha da magia não recebe esse nome em vão. Para os amantes de clima tropical e passeios à bordo, Florianópolis é o lugar certo! São tantas as opções de programação de atividades e aventuras que fica difícil até escolher. Por isso, no texto de hoje, vamos mostrar o que não pode faltar num passeio de lancha em Florianópolis. Confira!

 

O litoral catarinense é conhecido pela sua variedade de lindas praias. Esse é o destino de quem gosta de fazer seus passeios em alto mar, praticar esportes náuticos, mergulhos, pesca e toda as outras atrações que esse paraíso tropical pode nos oferecer. Vamos conferir algumas dessas atrações para praticar com sua lancha:

 

Principais atividades para um passeio de lancha em Florianópolis

 

Mergulho livre e mergulho profissional

 

Pra quem é um pouco mais ousado no passeio de lancha em Florianópolis e gosta da liberdade de um mergulho livre, a cidade tem lugares incríveis, que farão o seu mergulho ser inesquecível, como a Ilha do Arvoredo, a Ilha do Xavier, Ilha do Campeche, entre muitas outras praias. 

 

Já para quem tem interesse em praticar um mergulho profissional, com equipamentos, filmagens e instrutor, Florianópolis tem muitos locais indicados com equipes preparadas para acompanhar todo o passeio garantindo a segurança e diversão do passeio. 

 

Pescaria embarcada

 

Se você tem interesse em um passeio de lancha em Florianópolis mais tranquilo, menos radical, como a pesca embarcada. A Ilha da Magia também tem opção de lazer para você! A cidade tem locais com águas calmas e límpidas que são propícias para a pesca em alto mar com sua lancha FS. 

 

Churrasco a bordo e boas companhias

 

Além de todas essas opções de entretenimento que você e sua família podem curtir no passeio de lancha em Florianópolis – não podemos esquecer de um bom churrasco à bordo de boas companhias. Não tem nada que seja tão a cara do verão de Floripa, do que amigos e boas risadas em clima de férias.

 

Floripa conta também com várias opções de restaurantes e festas 

 

Passear de barco pela Ilha da Magia é uma ótima alternativa para conhecer bons restaurantes e desfrutar de toda gastronomia que você encontra somente em Florianópolis. Locais como: Lagoa, Ribeirão da Ilha, Santo Antônio de Lisboa e Governador Celso Ramos são algumas das regiões mais indicadas. 

 

Para quem curte o agito, Tinguá é o local perfeito para você. Na região, muitos barcos se juntam para aproveitar dias mais badalados em Floripa. 

 

Programação e planejamento

 

Outra dica que não pode faltar num passeio de lancha em Florianópolis, é um belo dia de sol e calor! Para isso é indicado que você se programe antes de marcar seu passeio de lancha, confira a previsão do tempo, faça um roteiro de viagem, peça ajuda para quem conhece bem os locais que serão visitados e quais as observações a serem levadas em consideração.

 

Se você ficou interessado em realizar o seu passeio de lancha em Florianópolis e não sabe qual o barco certo para esse passeio? Entre em contato conosco agora mesmo ! As lanchas FS são ideais para todos esses tipos de atrações e nós ainda te ajudamos a escolher de acordo com suas necessidades. 

 

Acesse nosso site e fale com um de nossos atendentes FS Yachts

 

Checklist: 11 itens que você precisa levar para um passeio de barco

Compartilhe:

Um passeio de barco pode ser um momento inesquecível na vida de muitas pessoas. Para quem ainda não tem esse costume, é a oportunidade de conhecer e se encantar com as maravilhas do mundo náutico. Já para quem navega regularmente, é mais um dia vivido fazendo o que ama.

No entanto, ainda mais que em qualquer outro tipo de passeio, uma boa preparação deve ser feita. Dependendendo do destino e do tamanho da viagem, é possível que o dia inteiro seja passado no barco, e você provavelmente não gostaria de lembrar de algo que deveria ter levado apenas depois de estar em alto mar.

Enquanto alguns acessórios de segurança como bóias e coletes salva-vidas devem, por obrigação, estar contidos em qualquer barco, outros itens de precaução mais pessoais são de responsabilidade de cada passageiro. Portanto, se você está prestes a embarcar em um passeio de barco e ainda não sabe muito bem o que levar, fique atento.

No texto de hoje, a FS Yachts trouxe para você um pequeno guia com o que levar na hora do passeio de barco. Como alguns dos itens mais importantes podem acabar passando despercebidos a quem não planeja com tanta atenção, recomendamos que você continue a leitura abaixo e deixe tudo preparado para uma ótima viagem. Confira!  

 

passeio de barco

 

Comida

Como citamos acima, é comum que um passeio de barco tenha a duração de um dia inteiro, o que inclui os horários de refeições. Normalmente apenas embarcações maiores contam com fogão e microondas, então o ideal a se levar são alimentos que não precisem de preparo, como industrializados, salgadinhos e frutas.

Para evitar um mal-estar desnecessário, evite comidas que sejam muito pesadas. Outra recomendação válida aqui é nunca embarcar de estômago vazio, especialmente se você tiver problemas com enjoo.

Em resumo, as comidas mais comuns de se levar a bordo em passeios diurnos são:

  • Salgadinhos (Doritos, Ruffles, Pringles)
  • Barras de proteínas
  • Frutas (maçãs, bananas, uvas)
  • Sanduíches preparados em casa

 

passeio de barco comida

 

Bebida

Tudo que vale para as comidas vale para as bebidas. Apenas com uma pequena e crucial diferença: a quantidade. Passeios em dias ensolarados podem dar muita sede e exigem hidratação. Sendo assim, leve bastante água; é melhor sobrar do que faltar.

Além da necessidade de água para hidratar, um passeio de barco propicia momentos de integração que podem ser complementados com outras bebidas. Sucos, refrigerantes e drinks alcoólicos são algumas das mais comuns.

Um ponto de atenção é sempre evitar garrafas e recipientes de vidro na embarcação, seja pela dificuldade em jogar no lixo após esvaziar, como pelo risco de quebrar a bordo e causar incômodos.

E nunca se esqueça de levar gelo, tanto para as bebidas quanto para colocar na geleira da embarcação!

As bebidas não-alcoólicas mais comuns de se levar a bordo em passeios diurnos são:

  • Água (leve sempre muita, muita água)
  • Refrigerantes (em especial Coca-cola, que ajuda no enjoo a bordo)
  • Sucos integrais (evitando sempre garrafas de vidro)

 

passeio de barco bebida

 

Roupas e acessórios

Passeios de barco, por serem normalmente feitos no mar, exigem roupas adequadas. Não é recomendado, por exemplo, vestir calças ou outras peças jeans, pois elas absorvem muita água e ficam extremamente pesadas.

Bermudas, shorts e camisetas leves e folgadas são a pedida perfeita, além de roupas de banho e conjuntos de roupas reservas no caso de se molhar.  E, é claro, os acessórios. Para quem quer se proteger do sol, chapéus e óculos escuros são indispensáveis. Caso o passeio for até à noite, um casaco leve também é uma ótima opção.

Lembre-se sempre de levar:

  • Roupas para entrar na água
  • Roupas para colocar após se secar
  • Óculos de sol
  • Boné ou viseira
  • Uma blusa leve impermeável (windbreaker/corta-vento) para o final de tarde
  • Toalha

 

passeio de barco roupas

 

Higiene e cuidados

Nunca deixe de levar sempre protetor solar, lenços de papel para higiene pessoal e toalha para se secar.

Evite levar bronzeador em uma embarcação. Ele tende a “amarelar” o gelcoat branco com o tempo. No entanto, abuse do protetor solar.

 

passeio de barco roupas

 

CHECKLIST – UM RESUMO DO QUE LEVAR PARA O PASSEIO DE BARCO

Para sumarizar as informações que trouxemos ao longo do texto, acrescentamos um checklist para que você tenha sempre em mãos. Confira:

 

  1. Comidas (barra de proteínas, salgadinhos, frutas)
  2. Bebidas (água, suco, refrigerante)
  3. Gelo potável
  4. Roupas para mergulhar
  5. Roupas para utilizar após se secar
  6. Blusa leve cortavento
  7. Óculos de sol
  8. Boné / viseira
  9. Toalha
  10. Protetor Solar
  11. Lenços de papel

Gostou do nosso conteúdo de hoje? Acompanhe a FS Yachts no Facebook e no Instagram para ficar por dentro de tudo sobre o universo náutico!