Confira os acessórios para o barco

Compartilhe:

Quem gosta do universo náutico e quer sempre ficar por dentro das novidades para lanchas sabe muito bem que os acessórios para o barco podem fazer toda a diferença. As possibilidades são diversas e alguns deles são essenciais, enquanto outros são facultativos.

Para quem curte essa temática, é sempre interessante aprender mais sobre o assunto, e por isso mesmo, a FS Yachts separou neste texto alguns itens para você. Com eles, você vai garantir uma navegação prazerosa, deixando sua embarcação muito mais completa.

Confira abaixo os acessórios para barco que são essenciais e quais são os outros que você pode investir para personalizar a sua lancha. 

Os acessórios para barco essenciais 

Traremos aqui os itens fundamentais, que merecem uma atenção especial na sua lancha, pois podem te ajudar durante a navegação. Veja a seguir cada um deles.

Veja + Pet no barco: veja quais acessórios levar

Cabos bem dimensionados

Os cabos vão ajudar no transporte de barco tanto no carro como no reboque por outra embarcação, se necessário. Independente do tamanho da lancha, seja ela de pequeno, grande ou médio porte, os cabos em geral são fundamentais na tarefa de atracação. 

Colete salva-vidas

Esse é um acessório essencial para quem tem uma embarcação, seja um barco ou veleiro, pois o colete salva-vidas pode te ajudar muito em casos de emergência. Seu objetivo principal é evitar o risco de afogamento.

Bóia circular

A bóia circular é um equipamento de resgate e salvamento, usado como apoio em situações emergenciais, se por acaso um tripulante cair no mar, por exemplo, ou em casos de naufrágio. 

Também é utilizado para demarcação e sinalização de áreas onde haja amarração de barcos, indicação de locais onde as âncoras estão presas ao fundo e também áreas de competições náuticas e/ou restritas.

Caixa de ferramentas

Alguns adoram a sua caixa de ferramentas, já outros, aos poucos, vão descobrindo que a sua funcionalidade é sem igual e que ela pode te ajudar em determinados imprevistos. Veja abaixo o que é bacana de se ter em uma caixa de ferramentas:

  • alicate
  • martelo
  • colas
  • chaves de fenda
  • fitas isolantes e de vedação
  • medidores
  • tesoura
  • prego
  • parafusos
  • lanterna

Acessórios para barco opcionais que fazem toda a diferença

Kit Som

Se navegar já é bom, imagina com um som bacana pra curtir a beleza e paisagem? A música faz parte de muitos momentos da nossa vida e conseguem deixá-los ainda mais divertidos e especiais, ficando guardados em nossa memória.

Ao investir em um bom equipamento, você garante qualidade e durabilidade, que são características essenciais para os itens que ficam expostos ao sol, maresia e etc. 

Mesa de centro em teka

Mais uma opção que, apesar de opcional, é um diferencial nos acessórios para o barco é a mesa de centro. Nela, você pode apoiar algumas coisas durante o passeio e inclusive, ter esse suporte na hora do lanche.

Churrasqueira náutica

Os momentos de lazer, diversão e calmaria quando estamos curtindo uma lancha FS passam tão rápido que nem sequer nos damos conta da hora. E por isso mesmo, contar com uma churrasqueira náutica é a melhor opção para o seu barco.

Afinal, após um dia de navegação, nada melhor do que juntar todo mundo para aproveitar uma comida bem gostosa. 

Com todas essas opções de acessórios para barco, temos certeza que a sua experiência será completa. Se você curtiu este conteúdo e quer ficar por dentro de todas as novidades da FS, siga-nos no Instagram e Facebook

Saiba o que fazer quando um tripulante cair no mar!

Compartilhe:

Uma das situações de maior risco quando se está navegando em alto mar é a queda de algum tripulante na água. E por se tratar de um momento delicado, é comum que as pessoas fiquem assustadas sem saber como agir para ajudar a vítima caída ao mar. Por esse motivo, preparamos este conteúdo. A seguir você confere dicas e as principais recomendações para quando um tripulante cair no mar. 

O que fazer quando um tripulante cair no mar? 

Durante o dia 

Entre as dicas do que fazer quando um tripulante cair no mar está parar o barco imediatamente e indicar no GPS a localização atual da embarcação. Para isso, a maioria dos modelos do equipamento contam com uma função específica para indicar “Homem ao Mar”, conhecida como MOB (sigla em inglês para Man Overboard).

Seu acionamento é instantâneo e permite gravar a posição da pessoa que caiu e, se necessário, solicitar ajuda de órgãos responsáveis para auxiliar o resgate.

Mas, além disso, é preciso dar meia volta com o barco e ir em direção a pessoa pelo lado onde o vento sopra (barlavento). É recomendado ainda cortar o motor e o movimento da embarcação logo que está se aproximando do tripulante.

E no caso de estar com mais pessoas no barco, peça para alguma delas não perder a atenção na vítima caída ao mar, mantendo sempre o dedo apontado para a pessoa na água. Afinal, o mar é algo que requer cautela, pois pode apresentar surpresas e fazer você perder as referências durante o resgate. 

No decorrer do salvamento, ele precisa ser feito com o auxílio de uma boia ou cabo flutuante, de preferência pela borda ou espelho de popa, sem esquecer o detalhe de cortar o motor antes do resgate. 

Durante a noite 

Se o resgate para quando o tripulante cair no mar durante o dia já é algo delicado, a situação requer ainda mais atenção no período da noite.

Nesse caso, o indicado, além das mesmas manobras recomendadas de dia, é contar com uma boia de resgate com iluminação para já ser lançada ao mar, para que não se perca a posição da pessoa e também para que ela tenha um auxílio de flutuação até que o resgate chegue. 

É recomendado também possuir determinadas opções de luminosidade – lanterna, refletores ou a luz do próprio barco. 

E como proceder na manobra de meia volta? 

Assim como citado no início deste texto, a primeira dica do que fazer quando um tripulante cair no mar é realizar a manobra de meia volta. E você sabia que ela varia conforme cada tipo de barco? Confira os detalhes de cada embarcação abaixo: 

Veleiros sem motor 

Para os veleiros sem motor, por exemplo, deve-se fazer uma curva em forma de 8, para retornar ao local onde a vítima está pelo contravento e barlavento. 

Veleiros com motor 

Para quando um tripulante cair no mar de um veleiro com motor, o indicado é baixar todas as velas, ligar o motor e retornar para o resgate da vítima como se fosse uma lancha. 

Grandes lanchas

Normalmente as grandes embarcações não possuem a mesma agilidade e facilidade de realizar manobras rápidas como um barco menor. Por isso, o recomendado é fazer dois tipos de procedimento. 

1. Caso haja o contato visual com o tripulante caído ao mar, é necessário girar o barco em 360 graus para bordo no qual a pessoa caiu. Com isso, as chances da embarcação retornar à posição exata onde a vítima está é muito maior. 

2. Já no caso do mar apresentar uma visibilidade reduzida, principalmente a noite, é preciso guinar para algum dos bordos e atingir um rumo de 60 graus (além do que o barco já estava). Vire o leme de forma total para outro bordo, para realizar uma curva de 180 graus em referência ao rumo inicial. Isso irá permitir que você retorne ao local onde está o tripulante caído ao mar, fazendo o mesmo caminho percorrido no momento da queda.  

Para evitar acidentes, conte com os itens de segurança obrigatórios! 

Diante de todas essas dicas, na verdade o que queremos é esse tipo de situação seja evitada. Logo é fundamental não esquecer sempre que for navegar, seja sozinho ou com mais pessoas a bordo, os acessórios de segurança, como o colete salva-vidas e a bóia de salvamento. 

Essas são as principais recomendações do que fazer quando um tripulante cair no mar. Gostou das dicas? No blog da FS Yachts você confere muitos outros conteúdos como este, com dicas e todas as novidades do mundo náutico. Siga nossas redes sociais e receba sempre em primeira mão: Facebook e Instagram